A consultora EXX Africa considerou hoje que existe uma “falta de vontade política em Moçambique e entre os países doadores” para investigar a fundo os principais beneficiários do escândalo da dívida oculta garantida pelo Estado. View the original article here.